Início » Encima ou em cima: entenda a diferença e aprenda o uso correto

Encima ou em cima: entenda a diferença e aprenda o uso correto

Atualizado em
Encima ou em cima: entenda a diferença e aprenda o uso correto — Elimine erros comuns em sua escrita aprendendo as nuances entre 'encima' e 'em cima' e aprimore seu português.

Certamente, a língua portuguesa é repleta de nuances e peculiaridades que podem confundir até mesmo os falantes mais experientes. Dentre essas singularidades, temos os pares de palavras que, soando de forma similar, carregam significados distintos.

Neste contexto, abordaremos detalhadamente a diferença entre as expressões "encima" e "em cima", esclarecendo a forma correta de utilizá-las, proporcionando assim um entendimento claro e preciso.

Inscreva-se em nossa newsletter🦉

Receba dicas de estudo gratuitas e saiba em primeira mão as novidades sobre o Enem, Sisu, Encceja, Fuvest e outros vestibulares!

*Ao enviar os dados você concorda com a nossa Política de Privacidade e aceita receber informações adicionais do Estratégia.

Inicialmente, é fundamental reconhecer que "em cima" e "encima" não são intercambiáveis, uma vez que pertencem a categorias gramaticais diferentes e possuem aplicações distintas na escrita e na fala.

Vamos desvendar o correto emprego dessas expressões para que você, leitor, possa dominar mais esse aspecto da nossa língua.

Em cima: locução adverbial de lugar

A expressão "em cima" é uma locução adverbial de lugar. Ela é utilizada para indicar que algo está na parte superior ou no alto de alguma coisa. Esse termo é composto pela preposição "em" e pelo substantivo "cima", formando juntos um significado de localização espacial. Seu uso é bastante comum no nosso dia a dia, servindo para descrever a posição de objetos e pessoas.

Por exemplo:

  • "Os livros estão em cima da mesa."
  • "Estava pensando em subir em cima do muro para ver o outro lado."

Note que a expressão deve estar sempre acompanhada de um complemento que indique a referência do lugar alto mencionado. Se falamos que algo está em cima, naturalmente a curiosidade sobre o 'em cima de quê' surgirá.

E-book Cronograma de Estudos → Baixe agora!

Encima: verbo 'encimar'

Por outro lado, "encima" vem do verbo "encimar", que significa colocar algo no topo, ou o ato de coroar, sendo menos frequente no uso cotidiano. O verbo conjugado na terceira pessoa do singular do presente do indicativo – "ele encima" – reflete a ação de pôr algo em posição destacada sobre outra coisa.

Exemplos de uso podem ser:

  • "O chef encima o prato com uma folha de hortelã para decorar."
  • "A empresa sempre encima seu nome com um símbolo que representa sua marca."

O emprego deste termo está, portanto, relacionado com a ação de adicionar algo ao cume ou ao topo, atribuindo-lhe uma posição de destaque ou relevância.

Ao refletir sobre essas diferenças, fica evidente a importância de selecionar com cuidado as palavras em nossa comunicação.

Conclusão

Concluindo, ao discernir entre "em cima" e "encima", nós exercemos não apenas a precisão linguística mas também adquirimos maior confiança em nossa capacidade de comunicação. A prática regular e a busca por fontes confiáveis aprimoram nosso domínio do idioma e evitam mal-entendidos. Lembre-se que um simples deslize, como misturar essas duas expressões, pode alterar completamente o significado da mensagem pretendida.

Portanto, ao escrever ou falar, sempre considere o contexto e o significado que deseja transmitir para escolher a expressão correta. E quando a dúvida surgir, não hesite em buscar esclarecimento; a internet e recursos educacionais como o Estratégia Vestibulares proporcionam uma gama de informações e dicas valiosas para que você possa sempre comunicar-se com eficiência e precisão.

O que achou desse artigo?

😠😐😍
Reações gerais

Leia também:

Publicações Relacionadas

Ao continuar a usar nosso site, você concorda com a coleta, uso e divulgação de suas informações pessoais de acordo com nossa Política de Privacidade. Aceito